sexta-feira, 12 de abril de 2024

Em 2007, Citroen impulsionou vendas com carro em novela Paraíso Tropical e galã de série americana

Novela que impulsionou o Citroen C4 Pallas está de volta ao Canal Viva. Na época, vendas do veículo foram impulsionadas como nunca.
C4 Pallas em cena de Paraíso Tropical (Reprodução/ TV Globo)

O ano de 2007 é marcado no marketing automotivo por um investimento pesado, onipresente e certeiro da Citroen. Naquela época a empresa promovia no Brasil o seu principal produto, o C4 Pallas, e para isso utilizou espaço na novela de maior audiência da Globo da época e trouxe ao Brasil o astro da série 24 horas. A novela está de volta ao Canal Viva em julho de 2021 e o comercial nós lembramos aqui no Turboway.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

O C4 Pallas tem motor 2.0 16V que rende até 143cv. Chega até 195 km/h e faz de 0 a 100 km/h em 11,4 segundos. Tem acessórios de luxo comuns em carros da mesma categoria da época, como controle de velocidade, bancos em couro e sensores de estacionamento. O carro era fabricado na Argentina.

C4 do mocinho

A primeira estratégia de onipresença da Citroën foi o patrocínio na novela Paraíso Tropical, que tinha como galã o ator Fábio Assunção. É com ele que o C4 Pallas aparece do começo ao fim da novela. A euforia pelo “carro do mocinho da novela” ou o “carro de Fábio Assunção” fez com que o C4 Pallas escalasse o ranking de vendas naquele ano e também fosse assunto na internet.

Na época, Alexander Greif, gerente de marketing da Citroen do Brasil informou que após a novela a Citroën teve o maior volume de vendas de sua história no Brasil. As vendas foram expressivas para a marca, mas poderiam ter sido maiores. É que o produto nem sempre estava disponível nas concessionárias e a fábrica estava na Argentina.



Na novela Fábio Assunção é um executivo de um grupo que tem negócios no interior da Bahia. É lá que ele conhece Alessandra Negrini, que vive gêmeas na novela e eles passam a ter um romance. Além de Negrini, o personagem de Assunção não descola também do veículo na novela, que naquele ano custava R$ 64.990,00 em sua versão de entrada.

Dentro da mesma novela a Citroen fez outra ação de marketing no capítulo 163, onde o ator Gustavo Leão ganhou um Citroen C3 de seus pais. O C3 permaneceu em cena nos capítulos seguintes e também impulsionou as vendas do modelo.

C4 do agente secreto

Ainda na mesma época, a Citroen fez outra ação de marketing com o C4 Pallas, desta vez um comercial com o ator Kiefer Sutherland, o galã Jack Bouer da série 24 horas, que esteve em São Paulo para gravar um comercial que ficou por semanas no ar (assista ao final do texto).

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

Participam do comercial o ator e uma atriz argentina, Araceli Gonzales e o vídeo não faz nenhuma referência à série 24 horas, deixando claro que o contrato da Citroen era apenas com o ator.

O ator americano estava em comerciais na TV, revistas e jornais (Reprodução/ Folha de São Paulo)

O comercial foi exibido no Brasil e na Argentina, onde o Pallas chamou “C4 sedan”. No Brasil, o comercial estreou justamente em um intervalo da novela Paraíso Tropical. Revistas da época apontaram que o perfil desejado pela montadora era o de homens que se consideram bem sucedidos e de gosto sofisticado.

O C4 Pallas foi aposentado em 2013 e atualmente um carro como o dirigido pelos galãs sai por R$ 20 mil no mercado de usados.

Publicada originalmente em

- PUBLICIDADE -

destaques

comentários

Subscribe
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
0
Gostamos muito de opiniões, que tal comentar?x