sexta-feira, 24 de maio de 2024

Quando chegaram os primeiros carros russos da Lada ao Brasil? Niva e Laika estavam no primeiro lote

No registro da chegada dos veículos ao Brasil estão 3.002 jipes "Lada Niva" que chegaram ao Porto de Santos

No dia 30 de novembro de 1990 chegavam ao Porto de Santos (SP) os primeiros 3.002 Ladas que rodaram pelo Brasil. Era o primeiro lote de importação do carro russo que fez sucesso no Brasil naquela década, após a abertura de mercado aos veículos importados (leia sobre isso aqui).

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

Esses primeiros russos chegaram ao Brasil a bordo do navio Pegasus Diamond, um cargueiro japonês que já está fora de circulação desde 2012. Dos 3.002 veículos a bordo estavam 2 mil “Lada Niva”, o jipinho da Lada que até hoje pode ser visto rodando por aí na mão de alguns entusiastas do 4×4.

O grande trunfo dos russos era o preço dos carros. Estamos falando de um período de crise na Rússia, o período do fim da antiga União Soviética. Os russos queriam fazer dinheiro e tinham tudo a seu favor: uma moeda super desvalorizada e um Brasil que acabava de se abrir para o mercado externo. O resultado é que, segundo os jornais da época, o modelo russo mais barato saía quase pelo preço do Fiat Uno Mille, o carro mais barato do país na época, mesmo pagando 85% de imposto de importação.

Outro ponto favorável aos russos era a durabilidade dos produtos. Desenvolvidos em um país extenso, com várias condições climáticas adversas, os russos afirmavam que o jipe Niva estava apto a tolerar temperaturas entre -45°C e 50°C.



Imagem do navio Pegasus Diamond, que ficou em operação até 2012 pelo planeta (foto: reprodução shipnostalgia.com)

Apesar de muitos fatores “pró” a Lada enfrentou também contratempos no país. O primeiro deles foi uma traição de empresários que abririam concessionárias da marca. Concorrentes correram para assediar esses empresários a desistir do negócio. Outro ponto era que o preço dos carros da Lada não era só baixo por conta da moeda russa. Havia uma acusação das montadoras que já atuavam no Brasil de que o Governo Russo subsidiava parte do custo, gerando concorrência desleal. Falamos disso no texto “Invasão Comunista”, publicado aqui no Turboway em setembro de 2023.

Também em 30 de novembro de 1990 foi a data em que conhecemos pela primeira vez o Laika 1500. O modelo era chamado oficialmente de Riva na Rússia e ganhou um nome mais amigável para o mercado brasileiro. Com motor 1.5 e design sedã, foi ele o veículo mais barato da Lada no Brasil que batia de frente com o Fiat Uno.

Reprodução de página do jornal OGlobo de 30 de novembro de 1990

Publicada originalmente em

- PUBLICIDADE -

destaques

comentários

Subscribe
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários