quinta-feira, 13 de junho de 2024

Saab: fabricante de aviões já vendeu carro no Brasil que virou estrela em GP de Fórmula 1

Conhecido por levar Senna ao pódio de 1991 em Interlagos, o Saab 9000 CD teve apenas 50 unidades vendidas no país

Pouco conhecida no Brasil, a sueca Saab fabrica aviões. Ela é a fabricante dos novos caças Gripen, que a Força Aérea Brasileira está incorporando à frota, mas ela também já produziu carros e vendeu apenas 50 deles no Brasil. Um deles teve um dia histórico com Ayrton Senna no GP do Brasil.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -
Saab 9000 CD no Grande Prêmio do Brasil, em 1991 (foto: reprodução)

Agora no Turboway:
– Visite a nossa home e saiba tudo sobre outros modelos vendidos no Brasil

Criada na década de 1930 na Suécia para fabricar aviões, a Saab passou a diversificar suas atividades após a Segunda Guerra Mundial e começou a montar carros em 1947. Os carros da empresa ficaram conhecidos pela robustez e em 1968 a empresa se fundiu com a fabricante de caminhões e ônibus Scania.

Na fase da fusão a Scania já atuava no Brasil, apesar disso nunca trouxe os veículos de passeio da Saab para cá. A chegada do primeiro modelo da marca de forma oficial só aconteceu em 1991, pelos seguintes motivos: a GM tinha acabado de adquirir 50% da empresa e decidiu trazer 50 sedãs “Saab 9000 CD”, aproveitando o novo posicionamento do governo brasileiro da época, que decidiu liberar a importação de veículos (leia sobre isso aqui).



Portifólio da marca em 1990 incluía carros, ônibus, caminhões e até avião de guerra (foto: Saab/ divulgação)

Carro do histórico GP do Brasil

Os 50 carros que chegaram ao Brasil foram únicos. A GM não implantou a marca no país e também não importou oficialmente mais nenhum Saab. Apesar de poucos, um Saab 9000 teve um dia glorioso.

No dia 23 de março de 1991 o piloto Ayrton Senna vencia o GP Brasil de Fórmula1. Esse foi o famoso GP de Interlagos que Ayrton teve problemas com o câmbio do carro e venceu a corrida acelerando em uma única marcha.

Era a semana de aniversário de Ayrton Senna, que foi campeão da temporada. Após receber a bandeirada, o piloto brasileiro passou mal e ficou parado na pista. Teve que ser atendido pelos médicos e levado de carro até o pódio.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

Ayrton foi levado por toda a pista em um dos exemplares importados pela GM. O carro era usado pela equipe médica do GP e teve seu dia de glória. Você pode assistir esta cena aqui:

No ano 2000 a General Motors comprou os 50% restantes da empresa que estavam na mão dos suecos e em 2011 a marca de carros faliu.

A Scania saiu do negócio quando a GM entrou. A Saab permaneceu com sua unidade fabricante de aeronaves.

Como é o Saab 9000 CD

O Saab 9000 CD era um produto de luxo da empresa e foi fabricado em parceria com a Fiat, que emprestou a estrutura do Alfa Romeo 164 e o desenho é de Giorgetto Giugiaro. Já existia uma versão hatch, mas o sedã surgiu em 1989 e tinha como foco o mercado norte-americano. Na Europa rivalizava com o também sueco Volvo 760.

Saab 9000 CD 1991 (foto: reprodução, Picelli Leilões)

A versão turbo vinha com motor 2.3 que gera 200cv e faz de 0 a 100 km/h em 7 segundos. A velocidade máxima é de 237 km/h. O veículo trazia freios ABS, teto-solar e airbag para o motorista, luxos para a época. O preço da época: US$ 120 mil.

Saab 9000 CD 1991 (foto: reprodução, Picelli Leilões)

É um carro grande. São 4,62 metros de comprimento e 2,67 de distância entre eixos. O modelo que veio ao Brasil tinha ar condicionado automático e aquecimento nos bancos. Luxo para os brasileiros, necessidade para um país gelado como a Suécia.

Interior do Saab 9000 CD 1991 (foto: reprodução, Picelli Leilões)

Saabs no Brasil

Usando dados do Denatran, Turboway fez um levantamento da frota ativa de carros da marca Saab no Brasil. A frota ativa é aquela que ainda possui documentação ativa e não significa que o carro esteja em condições de rodagem.

Dos 50 sedãs que a marca trouxe ao Brasil em 1991, 22 continuam com documentação ativa. A maior parte está registrada na cidade de São Paulo.

Saab Coupé 1968 a venda no Brasil (foto: reprodução/ Mercado Livre)

Existe ainda um único exemplar de um Saab 1968 Coupé na cidade de São Paulo, que inclusive está a venda no Mercado Livre por R$ 130 mil (em novembro de 2022).

Além disso, há um único exemplar na cidade do Rio de Janeiro do Saab 9-3 2.0 de 1998. Esse é o Saab mais moderno em solo nacional, segundo o Governo Federal. O mais antigo é um modelo 1954 que está registrado na cidade de Canoas, no Rio Grande do Sul.

Em novembro de 2022 existiam 47 carros Saab com registro ativo na frota brasileira.

Publicada originalmente em

- PUBLICIDADE -

destaques

comentários

Subscribe
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários