sábado, 20 de julho de 2024

Toyota lidera mercado argentino. País reduz importações

Lista dos mais vendidos agora têm praticamente apenas veículos nacionais. O único brasileiro no Top10 é um carro que já foi aposentado por aqui

A crise econômica na Argentina tem afetado a importação de veículos para o país. Com menos importados, as montadoras estão priorizando a produção nacional para abastecer as concessionárias e isso é totalmente visível no ranking de veículos mais vendidos. A Toyota segue líder de mercado, mas não ocupa o topo do ranking de veículo mais vendido.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

Veja: a Fiat tem hoje o carro mais vendido na Argentina. É o Cronos, que é produzido apenas por lá. Em outubro foram 3925 Cronos vendidos no país. Na soma total de modelos a Fiat vendeu 4854 veículos por lá e é a quarta montadora que mais vende no país. Ou seja, importou menos de mil veículos, já que não existe outro carro da Fiat que seja produzido no país.

Fiat Cronos é produzido na Argentina (foto: divulgação/ Fiat)

Dos dez veículos mais vendidos na Argentina em outubro, apenas o Toyota Etios é fabricado no Brasil. Ele é o quinto modelo mais vendido por lá e essas são as últimas unidades do modelo, já que desde agosto a Toyota não o produz mais em sua fábrica no interior de São Paulo.

Falta de dólares afeta importação

As importações Argentinas são afetadas pela falta de dólares no país. Por um lado esse cenário cria um problema para as marcas, que ficam com as concessionárias limitadas aos produtos nacionais. Por outro, gera estímulo para as marcas produzirem localmente. Ruim para o Brasil, que tem a Argentina como um dos caminhos para as exportações de veículos.

Há um ano a Argentina mais importava veículos do que produzia. Agora o movimento é inverso. Segundo dados do governo, a Argentina importa 34,7% e produz 65,7% dos veículos que são vendidos no país. Voltando à Fiat, que tem fábrica nos dois países, em setembro a marca importou 1614 veículos na Argentina. Em outubro foram apenas 120.

Toyota é líder no mercado Argentino

Toyota Hilux é produzida na Argentina (foto: divulgação/ Toyota)

A Toyota, líder no mercado argentino, fez um movimento contrário e aumentou suas importações, se isolando na primeira posição de marcas: vendeu 7964 unidades em outubro. A segunda colocada é a Volkswagen, que vendeu 6041 unidades (mil destas unidades são do Polo, fabricado no Brasil).

Veja os dez modelos mais vendidos na Argentina em outubro de 2023:

ModeloVolume
1Fiat Cronos3925
2Peugeot 2082964
3Volkswagen Amarok2897
4Toyota Hilux2385
5Toyota Etios2308
6Ford Ranger2203
7Renault Kangoo1856
8Nissan Frontier1373
9Chevrolet Tracker1315
10Toyota Yaris1068

Notícias relacionadas

- PUBLICIDADE -

nossos destaques

comentários

Subscribe
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
- PUBLICIDADE -spot_img