quinta-feira, 13 de junho de 2024

TravTek: primeiro GPS com tela multimídia completa 30 anos

Modelo desenvolvido pela GM tinha limitações, mas já vinha com itens usados até hoje.

Hoje indispensáveis, as telas multimídias equipam boa parte dos modelos que saem das linhas de montagem no mundo todo. Este movimento se intensificou há menos de uma década, mas o que muita gente não sabe é que elas existem há 30 anos. É de 1992 o TravTek, a primeira tela tátil com GPS do mundo.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -
TravTek: primeiro GPS com tela multimídia

Coube ao mítico Oldsmobile Toronado, cupê de duas portas do grupo GM, receber a novidade. O carro, de luxo, se destacava por itens únicos. Tinha telefone celular acoplado quando ninguém sonhava em ter um, tinha computador de bordo quando nenhuma montadora oferecia, sem contar a motorização grande, V8 de 7.0 litros.

O Travtek foi criado pela General Motors em parceria com a AAA, a associação das montadoras dos EUA. Era um tanto rustico em comparação com os dias atuais, mas entregava muito do que temos hoje. Era possível, por exemplo, traçar rotas por tempo de viagem, ou então evitar rodovias grandes ou com pedágios, por exemplo. Também tinha navegação por voz (veja vídeo abaixo).

TravTek: primeiro GPS com tela multimídia
Oldsmobile Toronado: modelo de luxo recebeu primeira tela tátil com GPS do mundo

A tela tinha 6 polegadas e era a cores. Tinha resposta rápida ao toque, mas também tinha limitações. Não era possível digitar o endereço, mas sim escolher o destino em uma lista pré-definida. Mas o pior mesmo era que a primeira tela multimídia do mundo só funcionava em Orlando, nos Estados Unidos. Limitações típicas do pioneirismo…



A comunicação era feita por uma antena chamativa, que cruzava dados com um sensor nas rodas, que media a distância percorrida. O problema era se você errasse a rota. Em vez de recalcular automaticamente, como é hoje, você precisava refazer a rota manualmente na tela. Era preciso encostar o carro para evitar problemas, já que isso demandava atenção. Havia ainda um botão de ajuda, que usava o telefone do carro para chamar uma equipe responsável, mas que nem sempre estava disponível.

Embora tivesse seus defeitos, o TravTek abriu portas para outras telas. Em 1995, a GM lançou o Guidestar, que incluía 17 dos 50 estados americanos, sendo possível comprar novos mapas por até 400 dólares. Foram os embriões para o OnStar, presente até hoje em carros da montadora.

Publicada originalmente em

- PUBLICIDADE -

destaques

comentários

Subscribe
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários