quarta-feira, 24 de abril de 2024

Depois de Volvo e Lotus, chinesa Geely compra parte da Aston Martin

Chinesa Geely aumenta o portfólio com mais uma marca de luxo. Empresa também tem participação na Mercedes-Benz

A chinesa Geely se transformou em uma potência automotiva mundial. Depois de colocar sob seu guarda-chuva a Volvo e a Lotus, a empresa anunciou agora uma aquisição de 7,6% da britânica Aston Martin.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

A Geely não informou sobre o valor da transação, mas o negócio está avaliado em qualquer coisa como 8 mil milhões de euros, segundo o Automotive News Europe.

Aston Martin V12 Vantage Roadster (foto: Aston Martin/ divulgação)

Assuntos relacionados:
– A coleção de carros do Príncipe Philip
– Sean Connery teve a garagem mais valiosa da franquia 007

A Geely é a sétima maior fabricante de veículos da China. Em 2010 ela adquiriu a sueca Volvo, que estava sob o comando da Ford. Em 2017 comprou parte da Lotus e também da Proton. Em 2018 a empresa levou 9,7% da Daimler, dona das marcas Mercedes-Benz e Smart. No ano passado a empresa vendeu 2,2 milhões de carros em todo o planeta.

No Brasil a empresa tentou uma entrada em 2014 através de uma empresa nacional, mas não deu certo. Os carros oferecidos não despertaram o interesse dos compradores e a assistência técnica também deixou a desejar. Em 2016 ela se retirou do país, apesar do site brasileiro da Geely estar disponível até hoje.

Além da Geely, a Aston Martin tem entre seus investidores o canadense Lawrence Stroll, pai do piloto de Fórmula 1 Lance Stroll, que corre justamente na Aston Martin. Lawrence Stroll tem 18,7% e é o maior acionista individual da empresa.

- PUBLICIDADE -spot_img

Comentários

Subscribe
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
- PUBLICIDADE -

NOSSOS DESTAQUES