quinta-feira, 13 de junho de 2024

Kombi Samba 1959 é colocada em leilão por R$ 760 mil

Modelo foi restaurado em 2017 e motor, totalmente refeito, rodou menos de 900 quilômetros.

Uma Kombi Samba 1959 está sendo leiloada em um site americano por nada menos que US$ 150 mil, o equivalente a R$ 760 mil. É um modelo raro, é verdade, mas o preço assusta – e mostra que a subida de preços para carros clássicos ocorre no mundo todo.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

A Kombi em questão foi fabricada na Alemanha Ocidental e importada para os Estados Unidos, sendo o primeiro dono um cliente do Oregon. O modelo foi totalmente restaurado em 2017 e permanece como novo.

A Kombi tem 23 janelas, espaço para nove pessoas e possui certificado emitido pelo Museu Volkswagen, o que agrega valor e faz subir substancialmente o preço final. Também tem teto de correr e janelas do tipo Safari. O motor, um 1.2 litro foi retificado e, segundo o anúncio, rodou apenas 500 milhas, 804 quilômetros.

Até o momento o leilão não atingiu o valor mínimo de US$ 150 mil. Foram dados 57 lances, sendo o maior deles de US$ 146 mil – cerca de R$ 740 mil.

História de sucesso

A Kombi foi fabricada mundialmente de 1950 a 2013. Chegou ao Brasil em 1957, inaugurando a primeira fábrica da Volkswagen fora da Alemanha. De São Bernardo do Campo saíram os primeiros modelos, montados com 50% de peças nacionais.

Saiu de cena globalmente no Brasil, com uma linha especial restrita a 1.200 unidades, em 2013. Em 56 anos de produção nacional foram fabricadas mais de 1,5 milhão de Kombis. O paradeiro do primeiro modelo, chamado de 00001, permanece desconhecido.

- PUBLICIDADE -spot_img

Comentários

Subscribe
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
- PUBLICIDADE -

NOSSOS DESTAQUES