terça-feira, 28 de maio de 2024

Novo símbolo sem bengala para vaga de idoso começa a ser usado no Brasil

Idoso deixa de ser retratado de forma pejorativa nas placas de trânsito. Resolução prevê cinco anos de implementação.

Como tudo na vida, até as placas de estacionamento de idosos foram atualizadas para os novos tempos. Em vez de um senhor curvado e de bengala, entra em cena um homem em posição ereta acompanhado da expressão “60+” ao lado. É assim que todas as placas de sinalização de vagas para idosos serão no Brasil, representando mais fielmente a população que mais cresce no país e que se mostra cada vez mais ativa.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

A medida foi publicada em uma resolução do Contran em maio e passou a vigorar em 1º de junho. Além do novo pictograma, a lei exige numeração de vaga, que passará a ser visível. Os departamentos de trânsito locais têm 5 anos para fazer a troca de identificação.

Alguns municípios resolveram não esperar tudo isso. Suzano, na Grande São Paulo, já trocou boa parte das 96 identificações públicas que possui. A cidade pretende terminar o serviço 3 anos antes do prazo.

Resolução do Contran detalha novo pictograma a ser usado país afora

As vagas de idosos foram criadas em 2004. Ela assegura a reserva de 5% das vagas nos estacionamentos para as pessoas com idade igual ou superior a 60 anos e precisam necessariamente estar em local conveniente, próximo do destino. Para usufruir das vagas é preciso portar credencial de estacionamento, emitida pelos órgãos de trânsito de cada município. Estas credenciais também precisarão atualizar o desenho.

Não existe uma simbologia internacional para tratar da população idosa, mas, em geral, ela é parecida com a que tínhamos aqui até a nova resolução. Quase sempre a população mais velha é tratada de forma frágil e discriminatória.

Nos Estados Unidos, por exemplo, existem vários tipos de placas de vagas de idosos. Embora as mais comuns sejam apenas textuais, é possível ver placas simbolizando a população idosa usando uma cadeira de balanço.

Também nos EUA, no estado de Michigan, aconteceu uma mudança parecida com a nossa, mas com o pictograma das vagas para cadeirantes. Saiu de cena a pessoa estática para dar lugar ao cadeirante em movimento. E a palavra “handicapped” – deficiente – foi trocada por “reserved” – no sentido de vaga reservada.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -
“Trocando placas; trocando mentalidades”: estado de Michigan, nos EUA, trocou sinalização para pessoas com deficiência

 

- PUBLICIDADE -spot_img

Comentários

Subscribe
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
- PUBLICIDADE -

NOSSOS DESTAQUES