domingo, 21 de abril de 2024

Polo assumirá o lugar de quatro carros na linha VW. Entenda

Plano da Volkswagen é deixar o Polo responsável por toda a faixa de entrada da marca e assumir a missão que já foi de Up, Gol, Fox e Golf

Essa semana mostramos aqui no Turboway que a Volkswagen colocou um novo Polo no mercado e reposicionou o veículo. Mais barato, agora ele vai competir em uma faixa maior de preços e assumir os papéis que nos últimos 4 anos já foram de cinco modelos diferentes. O que muda?

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

Há 3 anos a Volkswagen iniciou uma reformulação na sua linha brasileira. Em 2019 a linha de entrada da marca tinha Up, Gol, Fox e um pouco mais acima o Polo. Depois vinha o Golf.

Com a aposentadoria de Up e Fox, o Gol assumiu a posição única de carro de entrada e fez isso com maestria, mesmo sendo um projeto antigo.

O Golf também saiu de linha no Brasil após 25 anos e o Polo assumiu também essa faixa com o lançamento do Polo GTS.

Volkswagen Polo

Acima do Polo a Volks seguiu a tendência do mercado e criou uma linha de SUVs começando com o Nivus. Isso criou um conflito com o Polo, porque as pessoas estão preferindo o carro da moda, que é o SUV. O Nivus então abocanhou parte dos clientes das versões mais caras do Polo. Dados de vendas de carros você pode ver aqui no Turbomercado.

Agora a Volks dá mais um passo desta mudança. Vai tirar o Gol de linha e o Polo será o responsável por toda a “portaria de entrada” da marca. Vem aí um novo Polo Track que vai ser o Polo basicão fabricado em Taubaté e que pretende substituir o Gol. Depois fica o Polo que foi lançado agora.

O Polo Track vai concorrer em uma faixa onde hoje está o Fiat Argo mais básico e o Citroën C3. Depois vem o Polo concorrendo com o Chevrolet Onix, o Fiat Argo e o Hyundai HB20. É praticamente uma reedição do que a Chevrolet fex com o Onix e o Onix Joy anteriormente.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

E por que não mudar mais uma vez o Gol para essa missão? A resposta está no fato de o Polo já ser conhecido no mercado por “estar em um degrau acima”. Assim, o Polo teria (pelo menos em tese) mais argumentos para concorrer com veículos da concorrência que estão adotando novas tecnologias, como frenagem autônoma e central multimídia.

E o Gol?

A Volkswagen não diz o que fará com o Gol. O modelo atual vai ser aposentado, mas a marca “Gol” é muito forte para ser aposentada.

Há informações de outros sites obtidas com fontes de que o Gol voltará como um “mini-SUV” em 2025, como publicado pelo Auto+ e projetado pelo Overboost.

É o chamado projeto 246 e a implantação começaria logo após a aposentadoria do modelo atual. Sendo assim, o Gol ficaria cerca de um ano fora do mercado, algo inédito desde o seu lançamento em 1980. Se a projeção for confirmada, o novo Gol estará abaixo do Nivus, concorrendo com as versões mais básicas do Fiat Pulse.

Notícias relacionadas

- PUBLICIDADE -

nossos destaques

comentários

Subscribe
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
- PUBLICIDADE -spot_img