sábado, 20 de julho de 2024

Renault Kwid chega à Europa em versão elétrica e compartilhável

Modelo receberá emblema Dacia e chegará à Europa na primavera de 2021

A Renault fez um movimento contrário aos costumes de mercado. Lançou um modelo primeiramente para países emergentes e depois levou a ideia para a Europa. Mas no caso do Kwid, vendido no Brasil e na Índia desde 2017, a versão que chegará ao Velho Continente em 2021 será elétrica e usada prioritariamente como car-sharing.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -
Modelo terá autonomia de 225 km com uma carga completa – foto: divulgação

Outro hábito foi quebrado com a novidade. A Renault se acostumou a usar modelos da subsidiária Dacia e trazer ao mercado emergente com o emblema francês, como fez com Sandero, Logan e Duster. Desta vez será o inverso. O Renault Kwid levará o emblema da empresa romena e se chamará Dacia Spring.

Como o nome sugere, o Dacia Spring será lançado na primavera europeia, a partir de março de 2021. A versão compartilhável deverá ter apenas duas cores: branco e cinza claro. Já as versões para clientes particulares deverão seguir o padrão de cores da marca. Haverá ainda uma versão comercial chamada de Spring Cargo, com apenas dois lugares e 800 litros de capacidade de carga.

Desde 2018 já existe uma versão elétrica do Kwid, mas apenas na China, onde recebeu incentivos locais. Por lá, recebeu o nome de Renault K-ZE.

Modelo tem as mesmas dimensões de um Kwid brasileiro – foto: divulgação

O que vem nele

O Kwid elétrico europeu virá equipado com motor elétrico de 33 kW/44 cv, alimentado por uma bateria de 26,8 kWh, que lhe dá autonomia de 225 km e velocidade máxima de 125 km/h. A Dacia informou que as baterias são carregadas em uma hora, em tomada 30 kW. Já em uma tomada doméstica a recarga leva 14 horas.

O modelo europeu será tecnológico. Virá por exemplo, com geolocalização e também função abertura de portas por meio do smartphone. Terá ainda central multimídia de 7 polegadas com controle de voz, sistema de navegação e compatibilidade com Apple Carplay e Android Auto, além de câmera de ré e sensores de estacionamento traseiros.

Terá ainda um modo Eco, que limita o motor a 31 cavalos e velocidade máxima de 100km/h, e garante 10% a mais na autonomia.

- PUBLICIDADE -spot_img

Comentários

Subscribe
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
- PUBLICIDADE -

NOSSOS DESTAQUES