sexta-feira, 24 de maio de 2024

Tragédia das chuvas no Sul paralisa produção de Chevrolet Onix, Fiat Cronos e ônibus

Unidades industriais do Rio Grande do Sul e da Argentina pararam após destruição sem precedentes em cidades brasileiras

O cenário devastador no Rio Grande do Sul paralisa as atividades nas fábricas da Chevrolet e também da Marcopolo, fabricante nacional de ônibus. A Fiat também parou parcialmente a sua fábrica argentina como efeito colateral do que acontece no sul do Brasil.

- CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE -

A fábrica da Chevrolet fica na cidade de Gravataí, no Rio Grande do Sul, que é uma das cidades que teve parte alagada pela cheia dos rios. Por lá são produzidos o Onix e o Onix Plus, líderes de venda da marca. A Chevrolet paralisou a linha gaúcha no início do mês quando as chuvas se intensificaram, mas o motivo principal naquele momento foi que os estoques estavam altos. A fábrica não está alagada, mas há um problema com fornecedores e funcionários afetados pela enchente. A GM informou que está apoiando a cidade com doações e empréstimos de veículos.

A Marcopolo tem sede em Caxias do Sul e sua fábrica fica próxima de uma represa. A empresa emitiu comunicado informando que a paralisação em suas unidades acontece de forma preventiva e não informou se teve algum dano.

A Fiat também parou sua unidade que fica na Argentina. A unidade fica em Córdoba, muito distante da zona de catástrofe climática. O problema é que o único produto feito por lá é o Cronos, que tem o Brasil como principal mercado. As empresas de logística estão enfrentando dificuldades para realizar transportes pelo sul do país. No caso da produção do Cronos, caminhões levam motores do Brasil para a Argentina e trazem o carro pronto de lá para cá.

- PUBLICIDADE -spot_img

Comentários

Subscribe
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
- PUBLICIDADE -

NOSSOS DESTAQUES