sexta-feira, 17 de maio de 2024

Com largada perfeita, Verstappen vence no México e abre vantagem sobre Hamilton

Holandês saltou de terceiro para primeiro na largada e não foi mais incomodado na corrida.

Está cada vez mais maduro o primeiro título de Max Verstappen. Em mais uma corrida muito segura, o holandês largou muito bem, tomou a ponta por fora e venceu o GP do México sem sustos. Com carro visivelmente inferior, Lewis Hamilton teve que se contentar com a segunda colocação e agora apostas as fichas no GP de São Paulo, a ser realizado no próximo fim de semana, para diminuir a diferença no Mundial de Pilotos, em favor de Verstappen. 19 pontos separam os dois líderes na tabela de classificação.

Sergio Pérez foi o terceiro, correndo em casa, Pierre Gasly, o quarto, Charles Leclerc terminou em quinto, e Sainz fechou em sexto.

GP do México: emoção de cara

A corrida começou como a maioria dos fãs de F1 espera: caótica. Vestappen tracionou melhor e assumiu a ponta, pulando de terceiro pra primeiro na primeira curva. O pole Bottas rodou na segunda curva e o que se viu foi uma sucessão de incidentes, com pilotos perdendo o bico e também batendo. O safety car foi acionado.

- Publicidade -

O saldo da largada foi: abandonos de Mick Schumacher e Yuki Tsunoda e entradas no box para consertar o carro de Bottas e Ricciardo.

A relargada foi menos emocionante, mas que já aparentava definir os rumos da corrida. Com melhor carro disparado que os rivais, Verstappen foi abrindo diferença para Hamilton, que por sua vez não conseguia se livrar de Pérez.

Hamilton foi o primeiro a trocar pneus, na volta 30. Mas a distância para Verstappen era muito grande para tentar o undercut. Restou ao inglês ser consistente com pneus novos para ficar à frente de Pérez.

Valteri Bottas viveu um domingo de pesadelo. Após fazer uma corrida de recuperação, ele perdeu preciosos segundos, ao ver a equipe se perder na parada dos boxes. O finlandês ainda foi usado pela equipe para roubar a melhor volta, que pertencia a Verstappen, e fechou na 15ª colocação.

Nas voltas finais, emoção para a torcida local. O mexicano Sergio Pérez tirou a diferença para Lewis Hamilton e passou a pressionar o heptacampeão. Mesmo com todo o apoio das arquibancadas o mexicano não conseguiu passar.

Verstappen soma agora 19 vitórias na carreira, das quais 9 foram na temporada 2021. Depois do GP do México, matematicamente apenas ele ou Hamilton podem ser o campeão de 2021.

- Publlcidade -spot_img

Comentários

Subscribe
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
- PUBLICIDADE -

últimas da f1