sexta-feira, 17 de maio de 2024

Com Mercedes apagada, Max Verstappen vence em Mônaco e assume liderança da F1

Num domingo morno, com poucas ações, Max Verstappen venceu o GP de Mônaco e assumiu a a liderança do campeonato. Carlos Sainz, da Ferrari, ficou em segundo e Lando Norris, da McLaren, fechou o pódio.

O pódio diferente foi culpa também do desempenho da Mercedes, que só terminou com um dos pilotos. Hamilton foi apenas o sétimo lugar. O prejuízo só não foi maior para o britânico porque ele conseguiu o ponto extra com a volta mais rápida da corrida.

Corrida sem o pole

Leclerc fora da corrida
Charles Leclerc bateu o carro no fim do treino e a equipe não conseguiu recuperar a tempo

O GP de Mônaco começou simplesmente sem o pole position. Como Charles Leclerc bateu no fim do treino, logo depois de conseguir o melhor tempo, seria necessário um trabalho rápido para a equipe recuperar o carro.

- Publicidade -

Os mecânicos até conseguiram montar o carro, mas como ele fica em parque fechado depois do treino, não foi possível testá-lo e quando Charles tentou ligar e guiar a Ferrari, percebeu que ainda havia um problema no eixo de transmissão. Não houve tempo para terminar o conserto e nem dos boxes ele conseguiu largar.

A ausência de Leclerc adiou a possibilidade do piloto repetir um feito conquistado apenas por brasileiros na F1, a de vencer um GP na cidade natal.

Sem o monegasco, Max Verstappen aproveitou e virou líder logo na largada. Bottas virou segundo e Sainz o terceiro. Lewis Hamilton, que largaria em sétimo virou sexto.

O começo foi morno, com todos os pilotos mantendo suas posições até a parada dos boxes, na volta 30. A exceção foi Mick Schumacher, que passou o companheiro Mazepin na icônica curva Loews. Mazepin, aliás, já estava uma volta atrás do líder com 25 voltas de corrida, ampliando as desconfianças de todos de que o russo não deveria estar na F1.

Por falar em primeira parada dos boxes, Valteri Bottas teve que abandonar a corrida por um motivo pra lá de bizarro. A porca da roda dianteira direita ficou presa na hora da troca dos pneus. Sem conseguir resolver a questão, o finlandês não teve o que fazer a não ser lamentar e ir assistir a corrida de fora.

O outro piloto da Mercedes também não teve uma boa parada. Lewis Hamilton voltou atrás de Gasly e de Vettel e ficou bem bravo com isso. Como em Mônaco ninguém passa ninguém, o piloto teve que se contentar em andas lá atrás, longe do pódio a corrida inteira.

Como ficou a classificação do campeonato

Com os 25 pontos conquistados com a vitória, Max Verstappen chegou a 105 na classificação, contra 101 do heptacampeão Lewis Hamilton. O terceiro colocado tem quase metade dos pontos. Lando Norris aparece com 56 pontos, agora à frente de Valteri Bottas.

No Mundial de Construtores, a Red Bull também assumiu a liderança, neste caso, por apenas um ponto. A equipe austríaca soma 149 contra 148 da Mercedes. Em terceiro aparece a McLaren, com 80, seguida da Ferrari, com 78.

- Publlcidade -spot_img

Comentários

Subscribe
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
- PUBLICIDADE -

últimas da f1