domingo, 21 de abril de 2024

Confira o calendário da F1 2022 atualizado

Temporada terá recorde de 23 corridas, com novidades e retornos.

Após uma acirradíssima temporada de 2021, definida na última volta da última corrida, a temporada 2022 chegou com novidades. A maior delas é a quebra da sequência de 8 anos de títulos da Mercedes, e a volta da Red Bull à glória.

Confira o calendário da F1 2022 atualizado

DATAGP E PAÍSHORÁRIO*VENCEDOR
0120/03Sakhir, Bahrein12hLeclerc
0227/03Jidá, Arábia Saudita14hVerstappen
0310/04Melbourne, Austrália2hLeclerc
0424/04Ímola, Emilia Romagna, Itália10hVerstappen
0508/05Miami, EUA16h30Verstappen
0622/05Barcelona, Espanha10hVerstappen
0729/05Monte Carlo, Mônaco10hPérez
0812/06Baku, Azerbaijão8hVerstappen
0919/06Montreal, Canadá15hVerstappen
1003/07Silverstone, Reino Unido11hSainz
1110/07Spielberg, Áustria10hLeclerc
1224/07Le Castellet, França10hVerstappen
1331/07Budapest, Hungria10hVerstappen
1428/08Spa, Bélgica10hVerstappen
1504/09Zandvoort, Holanda10hVerstappen
1611/09Monza, Itália10hVerstappen
1725/09Sochi, Rússia**
1802/10Marina Bay, Singapura9hPérez
1909/10Suzuka, Japão2hVerstappen
2023/10Austin, EUA16hVerstappen
2130/10Cidade do México, México16hVerstappen
2213/11São Paulo, Brasil15h
2320/11Abu Dhabi, EAU10h
* Horário de Brasília
**GP de Sochi, na Rússia, foi cancelado em resposta à invasão russa na Ucrânia.

Outra novidade é no calendário. uma mexida na ordem dos GPs. A corrida da Arábia Saudita, penúltima na temporada 21 e disputada em dezembro, passa a ser a segunda, em março. A Austrália, de volta ao calendário após cancelamentos devido à pandemia, não abre mais a temporada, deixando o posto para o GP de Sakhir, no Bahrein.

Também retorna ao calendário o tradicional GP do Japão, palco de muitos títulos e que ficou de fora em 2020 e 2021.

- Publicidade -

Já a corrida da Rússia, presente no calendário desde 2014, foi cancelada devido a Guerra da Ucrânia.

O nosso GP Brasil foi mantido para novembro, mas passa a ser a penúltima prova, aumentando as chances de vermos a definição do campeão.

A transmissão novamente será do Grupo Bandeirantes, por meio dos canais Band e BandSports, além da Rádio Bandeirantes. A F1 oferece um aplicativo oficial, com pagamento anual de US$ 39,99 ou mensal de US$ 5,19.

- Publlcidade -spot_img

Comentários

Subscribe
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
- PUBLICIDADE -

últimas da f1