terça-feira, 28 de maio de 2024

Entrega a taça: Verstappen vence em Spa e abre 93 pontos para o vice

Holandês vence pela 29ª vez na carreira e abre larga vantagem na liderança da tabela.

Que ele é o favorito ao bicampeonato, ninguém duvidava. Mas Max Verstappen provou que o segundo título pode vir muito antes do final da temporada. Largando em 14º após trocar componentes do carro, ele assumiu a ponta do GP de Spa, na Bélgica, antes mesmo da primeira parada de troca de pneus, e venceu de forma soberana, abrindo 93 pontos sobre o segundo colocado. Foi a 29ª vitória da carreira do piloto, a 9ª no ano em 14 corridas.

Sergio Pérez fechou a dobradinha da Red Bull e Carlos Sainz, pole no GP, foi o terceiro. Russel fechou em 4º e Alonso foi o 5º, após sofrer um acidente envolvendo Lewis Hamilton, que acabou abandonando. Alonso xingou Hamilton pelo rádio, o chamando de estúpido.

Foi, aliás, a primeira corrida que o piloto inglês abandonou em 2022. As miniférias de verão parecem não ter feito bem ao octacampeão. A Mercedes se mostrou novamente abaixo da Ferrari neste reinício de temporada, embora a Ferrari tenha aprontado novamente com seus pilotos.

- Publicidade -

No fim da corrida, ela chamou Leclerc, então 5º colocado, para colocar pneus novos e tentar o ponto extra da melhor volta. Leclerc não conseguiu e ainda foi punido com 5 segundos de tempo por excesso de velocidade nos boxes. Em vez de ganhar um ponto, ele deixou de fazer dois, ao perder a 5ª colocação e terminar em 6º. Genial.

Quase todos os pilotos aproveitaram a folga para trocar componentes do motor e, mesmo sendo punidos, terem carro zerado para os GPs que faltam. Até por isso Verstappen deve sobrar ainda mais. Carro bom, piloto bom e agora motor novo daqui para frente. Alguém para o holandês?

Hamilton caminha desolado de volta aos boxes
- Publlcidade -spot_img

Comentários

Subscribe
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
- PUBLICIDADE -

últimas da f1