domingo, 21 de abril de 2024

Verstappen domina GP do Japão e é bicampeão da F1

Corrida teve paralisação longa por muita chuva e disputa de Max com Leclerc que terminou com uma vantagem de quase 30 segundos para o holandês

O GP do Japão repetiu a tempestade teimosa do GP de Singapura. Teve muita água, equipes de olho na previsão do tempo, parada na prova, punição pra Ferrari e Max Verstappen no topo do pódio. Tirando a chuva, era tudo o que o holandês precisava para ser bicampeão mundial da Fórmula 1.

A diferença crucial para o GP anterior foi que Verstappen largou na frente. Assim ele e Leclerc protagonizaram uma disputa firme pela primeira posição. A possível vitória da Ferrari naquele momento poderia adiar matematicamente o título mais uma vez.

Todos os pilotos largaram com pneus intermediários, mas após a terceira volta a corrida foi paralisada. Havia muita água na pista. A corrida parou por quase duas horas, até que a água deu uma trégua e todos voltaram com pneu de chuva. Devido a essa longa parada o GP foi encurtado pelo limite de tempo. Foram apenas 28 voltas, pouco mais da metade do previsto.

- Publicidade -

Carlos Sainz, da Ferrari, rodou. Alexander Albon também teve que abandonar. Aí a organização da prova no protagonizou uma cena bizarra. Enquanto Pierre Gasly estava em alta velocidade no circuito, um trator estava na pista para retirar um carro. Ele acionou a equipe pelo rádio dizendo que aquilo era inaceitável.

Trator na pista no GP do Japão (reprodução/F1)

Na parte final da corrida Verstappen chegou a abrir 17 segundos sobre Leclerc. Na parada nos vocês houve mudança nas colocações. Verstappen se deu bem com sua vantagem, mas Leclerc foi ultrapassado por Perez

Na reta final a vantagem de Max para o segundo colocado subiu para 27 segundos e o atual bicampeão conquistou sua 12ª vitória na temporada.

No pódio teve a dobradinha da RedBull, com Carlos Sainz em segundo e Charles Leclerc ficou em terceiro com a Ferrari.

- Publlcidade -spot_img

Comentários

Subscribe
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
- PUBLICIDADE -

últimas da f1